sexta-feira, 29 de abril de 2016

Deu no Estadão: Michel Temer que reajustar o Bolsa Família e relançar Pronatec e Minha Casa Minha Vida

A pouco menos de 13 dias para a votação no Senado que pode definir o impedimento da presidente Dilma Rousseff, o vice-presidente Michel Temer anuncia que pretende reformular as principais vitrines do governo do PT para focar nos 5% mais pobres, informa a edição de hoje (28) do Estado de S. Paulo.
O objetivo é abrir espaço no Orçamento para reajustar o Bolsa Família e relançar o Minha Casa Minha Vida e o Pronatec. As propostas estão no programa A Travessia Social, documento da Fundação Ulysses Guimarães, ligada ao PMDB, cujas diretrizes devem ser divulgadas na segunda-feira.
Atualmente, o Bolsa Família contempla cerca de 14 milhões de famílias. Para o PMDB, a camada situada dos 5% aos 40% mais pobres está "perfeitamente conectada à economia" e deve ter benefícios com eventual retomada econômica.
Sobre o Pronatec, o Travessia defende que se avalie se sos cursos oferecidos efetivamente melhoraram emprego e renda e foque no atendimento de necessidades dos mercados locais. A reportagem completa é destaque de capa do Estado de S. Paulo.