terça-feira, 30 de junho de 2015

HOMEM DE DUAS CARAS ERA ATORMENTADO POR VOZES DO MAL E VIVIA ISOLADO

O caso de Edward Mordrake foi um dos mais assustadores da história médica. E não é para pouco! Edward era herdeiro de uma casa nobre na Inglaterra, no século XIX, tinha tudo para ter uma vida tranquila, mas nasceu com uma anomalia bizarra: uma segunda cabeça atrás da cara dele, chamada policefalia. E uma cabeça que falava! E que o atormentava a todo momento!

Edward chamava a outra cabeça de "meu gêmeo malvado". Publicamente, a tal cabeça só era capaz de rir quando Edward estava alegre e chorar quando ele estava pra baixo, mas a noite a coisa mudava de figura...

A noite, o tal Gêmeo Sinistro sussurrava coisas bizarras e atrapalhava o sono de Edward, ao ponto dele viver enclausurado no quarto, tocando piano.

Mas ele acabou se matando, aos 23 anos, ao ingerir uma dose gigantesca de veneno e dar fim às suas conversas com o Gêmeo.