quinta-feira, 28 de maio de 2015

IGUATU: CONDUÇÃO DE SUSPEITO PARA A DP EM DECORRÊNCIA DE ROUBO E HOMICÍDIO A BALA

Informo que dia 27/05/2015, por volta das 19h10min, a Polícia Militar tomou ciência de que, na rua Padre Patrício, bairro Vila Centenário, dois indivíduos se passaram por alunos e entraram no Colégio Antônio Albuquerque objetivando subtrair a arma do vigilante HILTON MARQUES GOMES, 33 anos, amasiado, natural do Rio de Janeiro/RJ. Diante da ação, o porteiro do referido colégio, o Sr. FLÁVIO ALEXANDRE SOUSA, 34 anos, casado, natural de Iguatu/CE, ao ver seu colega de trabalho sendo rendido pelos infratores, reagiu e entrou em luta corporal com um dos delinquentes, vindo a ser alvejado pelo mesmo. De imediato a RD 1240, composta pelo CB PM P NETO e SD PM BEZERRA , se deslocou para local da ocorrência e, ao chegar, comprovaram a veracidade dos fatos, onde em seguida informaram que o porteiro já não apresentava sinais vitais e que os infratores haviam subtraído o revolver calibre 38, do vigilante da Empresa SERVNAC, que na ação foi alvejado na perna direita. Compareceu também ao local o Sistema de Atendimento Médico de Urgência (SAMU), que confirmou o óbito do referido porteiro da escola. Segundo informações de populares os suspeitos teriam chegado no local do crime em uma moto Bros, de cor preta. O referido veículo foi encontrado nas proximidades do colégio, abandonado. A Polícia Militar também foi informada que uma pessoa estava na delegacia fazendo um Boletim de Ocorrência, na ocasião informando que sua motocicleta havia sido roubada minutos atrás, motocicleta esta que as características coincidiram com a que teria sido usada no crime. Ao ser interrogado, o proprietário do veículo declarou que havia emprestado a moto para um terceiro, sendo que o mesmo foi localizado pela composição comandada pelo TEN CEL PM PAIVA, que de imediato realizou a condução do suspeito até a delegacia para averiguações. Na delegacia o conduzido informou que havia emprestado a moto para dois indivíduos. Diante das circunstancias a Polícia Militar iniciou novas diligências com o intuito de interrogar os referidos suspeitos, que até o presente não foram localizados. 

Alexandre foi morto covardemente. Foto: Arquivo pessoal facebook


Fonte: 10º BPM de Iguatu