quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Sobe para 5 número de mortos em queda de passarela no Rio

Subiu para cinco o número de mortos na queda de uma passarela na Linha Amarela na terça-feira (28), no Rio. Morreu às 6h desta quarta-feira (29) Luiz Carlos Guimarães, de 60 anos, que estava internado em coma no Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, no Subúrbio, após ter sofrido um traumatismo craniano e um edema (inchaço) cerebral.

Luiz Carlos estava no banco de trás do Palio, que foi esmagado pela estrutura. Pelo menos outros dois veículos foram atingidos pela passarela, derrubada por uma carreta. Ainda não há informações sobre o local e horário de enterro da vítima.

As vítimas da queda de uma passarela na Linha Amarela na terça serão enterradas na tarde desta quarta-feira em cemitérios da Região Metropolitana do Rio. Ao todo, quatro pessoas ficaram feridas no acidente provocado pela batida de uma carreta em uma das passarelas da via expressa, na altura de Pilares, no Subúrbio.

Os corpos de Adriano Oliveira, de 26 anos, e de Alexandre Almeida serão enterrados às 13h30 no Cemitério de Inhaúma, no Subúrbio. No mesmo local, será feito o sepultamento de Célia Maria, às 13h. Familiares e amigos acompanham o velório desde o início da manhã.

Já no Cemitério do Maruí, no Barreto, em Niterói, na Região Metropolitana, será enterrado o corpo de Renato Soares. A cerimônia está marcada também para as 13h.