quarta-feira, 31 de julho de 2013

Operação executa 15 mandados de prisão contra gestores públicos e empresários no Ceará

Operação deflagrada pelo Ministério Público Estadual (MPE) e a Polícia Civil cumpre 15 mandados de prisão temporária em 5 municípios cearenses na manhã desta quarta-feira (31). A operação "Miragem II" executa prisões de gestores públicos e empresários em Fortaleza,MaracanaúRussasMorada Nova e Quixadá. Eles são acusados de envolvimento em fraudes em licitações e adulteração de documentos durante a investigação criminal que já vinha acontecendo na "Operação Miragem I", ocorrida em junho.
Foram expedidos 19 mandados de busca e apreensão. Todos os mandados de prisões foram contra pessoas já envolvidas na 'Miragem I', já os de busca e apreensão têm novas pessoas envolvidas.
Até o momento, muitos não foram localizados. O Ministério Público do Estado do Ceará e a Polícia Civil seguem fazendo diligências pelo Estado para prender os envolvidos.